quarta-feira, 4 de maio de 2011

Sandra Senna – um das vozes da música de Cruz das Almas


Sandra Senna nasceu em Salvador e veio morar em Cruz das Almas (Ba) na sua adolescência, portanto considera-se cruzalmense. Sobrinha de dupla que se apresentou em programa de televisão logo quando surgiu este meio de comunicação. É filha de pai poeta e cantor, e boa parte da família paterna possui raízes musicais.
Cresceu ouvindo Dorival Caymmi, Maria Betânia, Gilberto Gil, Chico Buarque, Gal Costa, Caetano Veloso, Alcione, Benito Di Paula e outros – costumava cantarolar com sua voz meio rouca - segundo seu pai.
Na sua festa de aniversário de 12 anos, no play do edifício onde morava, resolveu cantar para seus convidados e deu-se conta de como adorava cantar. Tudo que fazia tinha que estar ligado à música.
Nessa época apresentou-se no Teatro Vila Velha e no Teatro Castro Alves pela escola onde estudava em Salvador, por duas vezes representando em peças teatrais.
Começou então a cantar quando ainda morava em Salvador, o que se acentuou quando mudou-se para Cruz das Almas, fosse em eventos particulares, reuniões de família, ou em barzinhos, não deixava passar as oportunidades de soltar a voz
O trabalho profissional surgiu em 2006, em Cruz das Almas, onde se apresentou pela primeira vez na Casa da Cultura Galeno d’Avelírio. Lá viu uma calorosa recepção de um público de ouvidos e gostos bem apurados para a boa música. Na ocasião apresentou-se com o show “Sandra Senna Acústico”, acompanhada por Ivo Cazaes no violão e Fabrício Salomão na percussão. No ano seguinte apresentou o Show “Sandra Senna e Convidados”, onde Ana Maria & Mathias Moreno, Murilo Sena, Jota Silveira e Meyre Kal fizeram participações especial.
Além de vários palcos e espaços de Cruz, cidades como Castro Alves e Cachoeira também receberam Sandra Senna e sua linda voz.
A edição de 2008 do Prêmio Evidência Empresarial e Profissional teve Sandra como uma das atrações.
Lançou seu 1º CD em 2009, “Sandra Senna Interpretações” onde canta composições e interpretações de Caetano Veloso, Chico César, Raul Seixas, Luiz Gonzaga, Roberto Carlos, Gilberto Gil, Vander Lee e outros ícones da MPB. Conta com a participação de Tchamby, Ivo Cazaes e Igor, nos arranjos.
È uma das integrantes do show “Operárias da Arte”, que reúne sete cantoras de Cruz das Almas num mesmo show. O sucesso desse projeto foi tanto que na sua terceira edição, Sandra Senna e as outras divas de Cruz cantaram canções juninas numa transmissão ao vivo para a TVE Bahia e o lançamento de seu projeto “Nosso São João”.

Um comentário:

  1. Que você continue a fazer sucesso sempre! Parabéns por essa grande conquista! Bjs Ingrid

    ResponderExcluir